UMA INTRODUçãO AOS TESTES ACELERADOS COM RELACõES ESTRESSE-RESPOSTA LOG-NãO-LINEARES

Gleici Castro PERDON[1]

Francisco LOUZADA-NETO2

 

 

§    RESUMO: Experimentos industriais eficientes para análise da confiabilidade de produtos manufaturados consistem da submissão das unidades sob teste a níveis de estresses maiores que os usualmente utilizados, resultando nos testes de sobrevivência acelerados. Para cada nível pré-fixado e aleatorizado de estresse, o experimento termina quando uma proporção das unidades sob teste falha. A vantagem desse tipo de experimentação está na redução do tempo e do custo de obtenção de dados referentes a confiabilidade. A modelagem de dados acelerados é dependente do tipo de distribuição considerada para o tempo de sobrevivência, que assumimos ser exponencial, e também da relação estresse-resposta, que estabelece de que forma a média da variável tempo de sobrevivência depende das condições experimentais (níveis de estresse). Neste trabalho consideramos uma relação estresse-resposta log-não-linear. Este modelo proporciona uma forma conveniente de análise uma vez que várias relações estresse-resposta comumente utilizadas em testes de sobrevivência acelerados podem ser obtidas como casos particulares. Procedimentos gráficos e de estimação pontual e intervalar e testes de hipóteses são discutidos. A metodologia é ilustrada através de um exemplo numérico.

§    PALAVRAS-CHAVE: Técnicas de Bootstrap, Distribuição Exponencial, Procedimentos de Inferência, Relações Estresse-Resposta Log-Não-Lineares.

 



[1] 1Departamento de Medicina Social, Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo, CEP 14049-900, Ribeirão Preto, SP, E-mail: pgleici@fmrp.usp.br

2Departamento de Estatística, Universidade Federal de São Carlos, CP 676,

CEP: 13565-905, São Carlos, SP, E-mail: dfln@power.ufscar.br