AJUSTE DE UMA SUPERFÍCIE DE RESPOSTA NO DELINEAMENTO EM BLOCOS INCOMPLETOS: ANÁLISE DE VEROSSIMILHANÇA RESTRITA E BAYESIANA EM UMA SIMULAÇÃO DE ADUBAÇÃO EM CITROS

Claudiney Nunes de LIMA[1]

Júlio Sílvio de Sousa BUENO FILHO1

·     RESUMO: A determinação da combinação de doses de nutrientes que resulta em produção máxima é um problema de interesse em ensaios de adubação. No presente trabalho, procurou-se ilustrar as análises de verossimilhança restrita e bayesiana de um delineamento em blocos incompletos parcialmente balanceados. Para essa ilustração, foram simulados dados de produção de uma cultura de citros, no primeiro ano de idade, com a combinação de doses de dois nutrientes. Para o ajuste do modelo e o cálculo de suas propriedades estatísticas, foram feitas a inferência de verossimilhança restrita (REML) e a inferência bayesiana, usando a amostragem Gibbs, aplicadas a um modelo linear misto. Os resultados demonstram que as duas metodologias são boas ferramentas de ajuste de modelos mistos e devem ser recomendadas para ajustes de superfícies de resposta.

·     PALAVRAS-CHAVE: Adubação; amostrador de Gibbs; delineamento em blocos incompletos; REML.



[1]Departamento de Ciências Exatas, Universidade Federal de Lavras, Caixa Postal 3037, CEP: 37200-000, Lavras, MG, Brasil, E-mail: pleudiney@yahoo.com.br / julio@stout.ufla.br