ModelosEstocásticos Bivariados Aplicados
 em Dados de Poluição do ar

Jorge Alberto ACHCAR[1]

Henrique Ceretta ZOZOLOTTO1

Eliane R. RODRIGUES[2]

§     RESUMO: Neste artigo, nós introduzimos o uso de modelos de volatilidade estocástica bivariados aplicados em dados de poluição do ar. Modelos de volatilidade estocástica recentemente introduzidos usados para analisar séries financeiras ao longo do tempo são considerados para estimar as volatilidades das medidas semanais de ozônio considerando duas regiões diferentes da cidade do México no período de 01 de janeiro de 1990 a 31 de dezembro de 2005. A análise Bayesiana é desenvolvida utilizando os métodos de Monte Carlo Cadeias de Markov (MCMC) para simular amostras da distribuição conjunta a posteriori de interesse.

§     PALAVRAS-CHAVE: Modelos de volatilidade estocástica; dados de poluição do ar; poluição por ozônio; análise Bayesiana; métodos MCMC.



[1] Departamento Ciências Exatas, Escola Superior de Agricultura ``Luiz de Queiroz", Universidade de São Paulo, Caixa Postal 9, CEP 13418-900 , Piracicaba, São Paulo, Brasil. E-mail: rrsilva@esalq.usp.br /  sszocchi@esalq.usp.br

[2] Instituto de Matemáticas ­ UNAM, Area de la Investigacíon Científica Circuito Exterior, Ciudad Universitaria México, D.F. 04510, México. E-mail: eliane@math.unam.mx